Skip to content

O que são imunomoduladores?

23 abril 2018

Em diversos produtos destinados à Dieta Enteral contamos com a presença de nutrientes imunomoduladores, que trazem benefícios essenciais para o bom funcionamento do organismo.

 

Nutrientes imunomoduladores 

Imunomoduladores são nutrientes que atuam diretamente no sistema imunológico, modulando-o de forma a fortalecer suas defesas e seu funcionamento.

Existem vários tipos de nutrientes imunomoduladores, que atuam em diversas frentes do nosso sistema de defesa.

Para incorporá-los à dieta, o primeiro passo é apostar em um prato bem colorido. A diversidade de alimentos é o que vai garantir que os principais nutrientes sejam incorporados ao nosso organismo e fortaleçam a resposta imunológica.

Podemos encontrá-los em grãos, carnes, derivados do leite e da soja.

 

Tipos de nutrientes imunomoduladores 

Temos nos ácidos graxos um dos principais exemplos e nutrientes imunomoduladores.

São elementos que formam as gorduras e os óleos e atuam como veículo para o transporte de vitaminas e antioxidantes pelo corpo, exercendo um papel muito importante na alimentação.

Dos 3 tipos existentes (insaturados, saturados e essenciais), são os ácidos graxos essenciais que fazem a diferença no nosso sistema imunológico.

Sendo um tipo de nutriente que não é produzido pelos seres humanos, é primordial termos alimentos que os insiram na nossa dieta.

Eles atuam com um efeito protetor, reduzindo os níveis de colesterol ruim e triglicérides, melhorando a resposta imunológica e inflamatória.

O ômega 3 faz parte desse nicho, podendo ser encontrado em nozes, castanhas, manteiga, peixes e ovos, por exemplo.

A glutamina também tem um papel muito importante nos nossos mecanismos de defesa. Trata-se de um tipo de aminoácido, ou seja, um componente protéico indispensável ao nosso organismo, sendo o aminoácido mais abundante no sangue e nos tecidos, principalmente nos músculos. Eles beneficiam o processo de ganho de massa magra e a cicatrização dos tecidos, exercendo um importante papel no fortalecimento do quadro imunológico, pois serve como combustível para este sistema e melhora a sua função.

Este aminoácido é dividido em 2 tipos: a L-glutamina (glutamina livre), tem mais eficácia nas células intestinal, sendo recomendada para pacientes com intolerância ou sensibilidade ao glúten, e a glutamina peptídio, que tem maior ação muscular.

 

Nutrientes imunomoduladores na Dieta Enteral

Para aqueles que estão em algum tipo de tratamento e precisam de um processo preparatório para uma intervenção quando para aqueles que já se submeteram a algum procedimento, existem produtos que reforçam a adesão de nutrientes imunomoduladores ao organismo, acelerando a recuperação.

Essas fórmulas podem ser indicadas para consumo tanto antes de uma cirurgia, para fortalecimento do sistema imunológico, tanto para o pós-cirúrgico, para reparação de massa magra e cicatrização.

Pacientes oncológicos também podem ter esse tipo de recomendação durante o período em que estiverem passando pelo tratamento de quimioterapia e radioterapia.

Em nosso catálogo, contamos com uma excelente fórmula imunomoduladora: o Impact.

Trata-se de um suplemento nutricionalmente completo, com maior aporte de proteína na fórmula, garantindo uma excelente resposta imunológica e melhoria dos mecanismos de defesa. Com isso, o Impact vai tratar de dentro pra fora; promove a melhoria da parte nutricional, fortalecendo-o o organismo para que ele possa combater uma possível infecção, e trabalhando também na cicatrização.

Confira o produto aqui.

 

Para recomendar a melhor dieta e dosagem ideal do produto, conte sempre com as instruções dos profissionais de saúde.

 

Para verificar todas as opções de suplementos acesse nosso site, https://nutrii.com.br/ e confira nosso catálogo!

Tem alguma dúvida? Deixe nos comentários!

Conte conosco e até breve!


Leia também